Lã de Pet

Lã de Pet / Lã de Vidro / Lã de Rocha

Esse material é indicado para aumentar o isolamento acústico de um ambiente. Pode ser usado como revestimento ou como recheio de estruturas.

As mantas de lã de PET são aplicáveis para preenchimento de paredes de Drywall, sobre sistemas de forro, sob contrapisos, ou mesmo como revestimentos aparentes.
Em determinados ambientes, como restaurantes, escritórios, hospitais e clínicas médicas, praças de alimentação, os dispositivos acústicos fabricados com lã de PET podem receber revestimentos e ser aplicados de forma aparente.

A Lã de PET pode ser também utilizada de forma não aparente, como preenchimento para sistemas de piso, forro e de paredes em drywall, steel frame ou wood frame.

O uso de mantas em lã mineral para preenchimento de sistemas de parede proporciona uma melhor atenuação da propagação dos ruídos. Ocorridos entre ambientes, garantindo assim ambientes mais silenciosos, a partir do aumento o índice de redução sonora (Rw) do sistema.
O Rw atingido pelo sistema irá depender de determinadas características, como o tipo de sistema utilizado (gesso, alvenaria, blocos cerâmicos), a espessura do sistema, a existência ou não de cavidades de ar, a espessura e densidade da manta.
Em sistemas de forro em gesso acartonado e forros minerais, a manta de lã de PET pode ser aplicada sobre o gesso, ou seja, em casos onde a energia sonora é convertida em calor, ou seja, a lã mineral faz com que a energia sonora perca intensidade.
Já para sistemas de piso, a lã de PET consiste em uma solução inteligente para controle da propagação do ruído de impacto.
 Por exemplo, entre os apartamentos, devendo ser aplicada entre a laje e o contrapiso durante a construção da edificação.
A lã de PET também pode ser utilizada para tratamento acústico e antivibratório de instalações prediais, como dutos de ar condicionado, tubulações hidráulicas e sistemas hidrossanitários.
Neste caso, as tubulações e todas as conexões devem ser cobertas pelo material, e podem ser fixadas com abraçadeiras plásticas, para controlar a transmissão de vibrações e turbulências para as estruturas da edificação.